Assuntos

terça-feira, 27 de agosto de 2013

JOGO 401

PARTIDA NUM.: 401
COMPETIÇÃO: Amistoso Interestadual



JOGO: Bahia 4 X 2 América (PE)
DATA: Domingo, 10 de fevereiro de 1946
LOCAL: 
ESTÁDIO: 
JUIZ: 
AUXILIARES:
EXPULSÃO:
C. AMARELO: Na época ainda não existia
RENDA:
PÚBLICO:
GOLS: 
BAHIA: 
TREINADOR: 
AMÉRICA: 
TREINADOR:

OBSERVAÇÃO:  

JOGO 400

PARTIDA NUM.: 400 (ÉPICO)
COMPETIÇÃO: Campeonato Baiano (Finais)



JOGO: Bahia 4 X 4 Galícia (BA)
DATA: Quinta-feira, 17 de janeiro de 1946
LOCAL: Salvador-BA
ESTÁDIO: Arthur Morais (Campo da Graça)
JUIZ: Osvaldo Souza (BA)
AUXILIARES:
EXPULSÃO:
C. AMARELO: Na época ainda não existia
RENDA: 
PÚBLICO:
GOLS: Tuca e Zé Hugo (3) (Bah) e Louro e Cacuá (3) (Gal)
BAHIA: Ioiô, Salvador e Zé Grilo; Silva, Prazeres (Bianchi) e Avale; Gereco, Evilásio, Zé Hugo,Pipiu e Tuca.
TREINADOR: Serafim de Carvalho (Tintas)
GALÍCIA: Nova, Jonga e Daruanda; Nevercínio, Alberto e Valter; Louro, Americano, Cacuá, Curto e Caboclo.
TREINADOR:

OBSERVAÇÃO: Vigésimo jogo do Bahia no Campeonato Baiano de 1945. Com esse resultado o Bahia sagrou-se Campeão Baiano de 1945.

Nesta partida final do Campeonato Baiano de 1945 o Bahia lutava pelo bi-campeonato e precisava de apenas um empate para levantar a Taça daquele ano, mas não seria nada fácil. O Galícia havia ganho a primeira partida da decisão em 01/01/1946 por 2X1, estragando assim a festa do Bahia que completava naquele dia 15 anos de fundado. Lances emocionantes caracterizariam esta partida, já que Bahia e Galícia eram o dois grandes times da temporada.

No intervalo para este jogo final o Bahia enfrentou em partida amistosa o Rosário Central da Argentina, enquanto a cidade fervilhava e apostava no vencedor da grande decisão.

De ultima hora, somente para aquele jogo, o Bahia concentrou seus jogadores num prédio da Avenida Sete de Setembro. Aquele espaço pertencia ao tricolor Carneirinho, e por se encontrar vazia, foi escolhido para abrigar a concentração dos atletas. Sob o comando das senhoras dos tricolores Zelito Ramos, Armando Monteiro e João Luz, em menos de 72 horas improvisou-se uma memorável concentração, sendo aparelhada e posta em condições de habitabilidade por essas senhoras que chegaram até mesmo a lavar e varrerem o chão do local com as próprias mãos.

Na véspera do jogo o técnico Tintas do Bahia perderia três jogadores, o zagueiro Bahiano que havia sido suspenso pelo Tribunal de Penas por oito jogos, o meia Fernando Cacetão que teve uma crise de apendicite tendo de ser operado as pressas e o craque Maneca que havia apresentado sintomas de icterícia.

O Jogo

No dia do jogo os granadeiros entraram em campo embalados e logo aos 7 minutos da partida o jogador Louro abria o placar para o Galícia. Com uma atuação esplendorosa de Cacuá que havia feito mais três gols, o Galícia vencia o Bahia ao final do primeiro tempo por 4 X 1, tendo Zé Hugo descontado aos 23 minutos para o Tricolor de Aço.

Enquanto nas arquibancadas o desanimo tomava conta da torcida tricolor, nos vestiários (segundo relato do jogador Gereco) o centroavante Zé Hugo só pedia uma coisa: 'entreguem a bola para mim'.

Segundo Tempo

O Bahia retornou a campo com garra e com uma linha média formada por Silva, Bianchi no lugar de Prazeres e Avalle dando um show e de forma assombrosa partiu pra cima do Galícia.

Embora o Tricolor dominasse o jogo, o gol teimava em não sair, até que aos 21 minutos Tuca diminuiu para o Bahia, marcando o segundo gol tricolor, mas o placar era ainda 4 X 2 para o Galícia. Quatro minuto depois, Zé Hugo começava a cumprir a sua promessa marcando o terceiro gol tricolor (o mais bonito da partida) com um chute rasteiro indefensável para o goleiro Nova do Galícia.

Os jogadores Granadeiros não acreditavam na reação tricolor e resolveram se retrancar para garantir o resultado da partida, mas aquela tarde era do fenomenal centroavante Zé Hugo do Bahia que, aos 32 minutos, deixou tudo igual ao driblar o arqueiro Nova e marcar o quarto gol do Tricolor empatando a partida, resultado que foi mantido até o final do jogo.

A torcida Tricolor foi ao delírio no velho Estádio da Graça após o Bahia ter marcado aqueles 'impossíveis' três gols que lhe deram o Bi-Campeonato Baiano. 

Uma batalha épica e inesquecível que possibilitou a conquista do título baiano daquele ano através de uma façanha sensacional em decorrência da queda de produção do time Galiciano, e principalmente dos tricolores, que se valendo do entusiasmo e da garra, fizeram de tudo para encobrir as falhas de todo um primeiro tempo decepcionante. Foi um empate com gosto de campeão, sobre o rival que mais atrapalhava os tricolores naquela época.

JOGO 399

PARTIDA NUM.: 399
COMPETIÇÃO: Amistoso Internacional




JOGO: Bahia 4 X 5 Rosário Central (ARG)
DATA: Domingo, 13 de janeiro de 1946
LOCAL: Salvador-BA
ESTÁDIO: Arthur Morais (Campo da Graça)
JUIZ: 
AUXILIARES:
EXPULSÃO:
C. AMARELO: Na época ainda não existia
RENDA:
PÚBLICO:
GOLS: 
BAHIA: 
TREINADOR: Nicanor Souza
ROSÁRIO CENTRAL: 
TREINADOR:

OBSERVAÇÃO: Primeiro jogo do Bahia contra o Rosário Central da Argentina.

JOGO 398

PARTIDA NUM.: 398
COMPETIÇÃO: Campeonato Baiano (Finais)



JOGO: Bahia 1 X 2 Galícia (BA)
DATA: Terça-feira, 01 de janeiro de 1946
LOCAL: Salvador-BA
ESTÁDIO: Arthur Morais (Campo da Graça)
JUIZ: Leonel Nogueira (BA)
AUXILIARES:
EXPULSÃO:
C. AMARELO: Na época ainda não existia
RENDA: Cr$ 16.950,00
PÚBLICO:
GOLS: Pipiu (Bah) e Joel e Louro (Gal)
BAHIA: Ioiô, Bahiano e Grilo; Silva, Bianchi e Avale; Gereco, Maneca, Evilásio, Pipiu e Tuca.
TREINADOR: Nicanor Souza
GALÍCIA: Nova, Jonga e Daruanda; Nevercínio, Falabaixinho e Valter; Louro, Americano, Cacuá, Curto e Joel.
TREINADOR:

OBSERVAÇÃO: Décimo nono jogo do Bahia no Campeonato Baiano de 1945. 

JOGO 397

PARTIDA NUM.: 397
COMPETIÇÃO: Campeonato Baiano (Terceiro Turno)



JOGO: Bahia 4 X 0 Botafogo (BA)
DATA: Quinta-feira, 13 de dezembro de 1945
LOCAL: Salvador-BA
ESTÁDIO: Arthur Morais (Campo da Graça)
JUIZ: 
AUXILIARES:
EXPULSÃO:
C. AMARELO: Na época ainda não existia
RENDA:
PÚBLICO:
GOLS: Pipiu (2), Evilásio e Maneca (Bah)
BAHIA: 
TREINADOR: Nicanor Souza
BOTAFOGO: 
TREINADOR:

OBSERVAÇÃO: Décimo oitavo jogo do Bahia no Campeonato Baiano de 1945. Com esse resultado o Bahia conquistou o terceiro turno do campeonato e seguiu para realizar no início de 1946 dois jogos finais contra o Galícia.

JOGO 396

PARTIDA NUM.: 396
COMPETIÇÃO: Amistoso Interestadual


JOGO: Bahia 0 X 1 Corinthians (SP)
DATA: Domingo, 02 de dezembro de 1945
LOCAL: Salvador-BA
ESTÁDIO: Arthur Morais (Campo da Graça)
JUIZ: João Etzel Filho (SP)
AUXILIARES:
EXPULSÃO:
C. AMARELO: Na época ainda não existia
RENDA: 
PÚBLICO:
GOL: Maracaí (Cor)
BAHIA: Ioiô, Baianinho e Zé Grilo; Silva, Bianchi e Avalle; Gereco, Evilásio, Zé Hugo, Fernando Cacetão e Tuca.
TREINADOR: Nicanor Souza
CORINTHIANS: Bino, Ariovaldo e Aldo; Palmer, Brandão e Rubens; Jerônimo, Servílio, Maracaí, Ruy e Pipi. 
TREINADOR: Alcides de Souza Aguiar

OBSERVAÇÃO: 

JOGO 395

PARTIDA NUM.: 395
COMPETIÇÃO: Amistoso Interestadual



JOGO: Bahia 0 X 1 Corinthians (SP)
DATA: Domingo, 18 de novembro de 1945
LOCAL: Salvador-BA
ESTÁDIO: Arthur Morais (Campo da Graça)
JUIZ: João Etzel Filho (SP)
AUXILIARES:
EXPULSÃO:
C. AMARELO: Na época ainda não existia
RENDA: Cr$ 62.226,00
PÚBLICO:
GOL: Baltazar (Cor)
BAHIA: Ioiô, Baianinho e Zé Grilo; Silva, Bianchi e Avalle; Gereco, Evilásio, Zé Hugo, Fernando Cacetão e Tuca (Jorge).
TREINADOR: Nicanor Souza
CORINTHIANS: Bino, Ariovaldo e Rubens; Palmer, Brandão e Aleixo; Jerônimo, Servílio, Baltazar, Ruy e Pipi. 
TREINADOR: Alcides de Souza Aguiar

OBSERVAÇÃO: 

JOGO 394

PARTIDA NUM.: 394
COMPETIÇÃO: Campeonato Baiano (Terceiro Turno)



JOGO: Bahia 2 X 1 Vitória (BA)
DATA: Domingo, 11 de novembro de 1945
LOCAL: Salvador-BA
ESTÁDIO: Arthur Morais (Campo da Graça)
JUIZ: 
AUXILIARES:
EXPULSÃO:
C. AMARELO: Na época ainda não existia
RENDA:
PÚBLICO:
GOLS: Maneca e Jorge (Bah) e Jaime (Vit)
BAHIA: 
TREINADOR: Nicanor Souza
VITÓRIA: 
TREINADOR:

OBSERVAÇÃO: Décimo sétimo jogo do Bahia no Campeonato Baiano de 1945.

JOGO 393

PARTIDA NUM.: 393
COMPETIÇÃO: Amistoso Estadual



JOGO: Bahia 3 X 4 Galícia (BA)
DATA: Domingo, 04 de novembro de 1945
LOCAL: Salvador-BA
ESTÁDIO: Arthur Morais (Campo da Graça)
JUIZ: 
AUXILIARES:
EXPULSÃO:
C. AMARELO: Na época ainda não existia
RENDA:
PÚBLICO:
GOLS: 
BAHIA: 
TREINADOR: Nicanor Souza
GALÍCIA: 
TREINADOR:

OBSERVAÇÃO:  

JOGO 392

PARTIDA NUM.: 392
COMPETIÇÃO: Amistoso Interestadual



JOGO: Bahia 3 X 3 Internacional (RS)
DATA: Domingo, 28 de outubro de 1945
LOCAL: Salvador-BA
ESTÁDIO: Arthur Morais (Campo da Graça)
JUIZ: 
AUXILIARES:
EXPULSÃO:
C. AMARELO: Na época ainda não existia
RENDA:
PÚBLICO:
GOLS: 
BAHIA:
TREINADOR: Nicanor Souza
INTERNACIONAL: 
TREINADOR:

OBSERVAÇÃO: Primeiro jogo do Bahia contra o Internacional de Porto Alegre.

JOGO 391

PARTIDA NUM.: 391
COMPETIÇÃO: Campeonato Baiano (Terceiro Turno)



JOGO: Bahia 1 X 0 Galícia (BA)
DATA: Domingo, 07 de outubro de 1945
LOCAL: Salvador-BA
ESTÁDIO: Arthur Morais (Campo da Graça)
JUIZ: 
AUXILIARES:
EXPULSÃO:
C. AMARELO: Na época ainda não existia
RENDA:
PÚBLICO:
GOL: Jorge (Bah)
BAHIA: 
TREINADOR: Nicanor Souza
GALÍCIA: 
TREINADOR:

OBSERVAÇÃO: Décimo sexto jogo do Bahia no Campeonato Baiano de 1945. 

JOGO 390

PARTIDA NUM.: 390
COMPETIÇÃO: Campeonato Baiano (Terceiro Turno)



JOGO: Bahia 2 X 0 Ypiranga (BA)
DATA: Quarta-feira, 26 de setembro de 1945
LOCAL: Salvador-BA
ESTÁDIO: Arthur Morais (Campo da Graça)
JUIZ: 
AUXILIARES:
EXPULSÃO:
C. AMARELO: Na época ainda não existia
RENDA:
PÚBLICO:
GOLS: Evilásio e Maneca (Bah)
BAHIA: 
TREINADOR: Nicanor Souza
YPIRANGA: 
TREINADOR:

OBSERVAÇÃO: Décimo quinto jogo do Bahia no Campeonato Baiano de 1945. 

JOGO 389

PARTIDA NUM.: 389
COMPETIÇÃO: Campeonato Baiano (Terceiro Turno)



JOGO: Bahia 5 X 0 Guarany (BA)
DATA: Domingo, 16 de setembro de 1945
LOCAL: Salvador-BA
ESTÁDIO: Arthur Morais (Campo da Graça)
JUIZ: 
AUXILIARES:
EXPULSÃO:
C. AMARELO: Na época ainda não existia
RENDA:
PÚBLICO:
GOLS: Evilásio (3), Gereco e Heber (Contra) (Bah)
BAHIA: 
TREINADOR: Nicanor Souza
GUARANY: 
TREINADOR:

OBSERVAÇÃO: Décimo quarto jogo do Bahia no Campeonato Baiano de 1945. 

segunda-feira, 26 de agosto de 2013

JOGO 388

PARTIDA NUM.: 388
COMPETIÇÃO: Campeonato Baiano (Segundo Turno - Decisão do Turno)


JOGO: Bahia 3 X 2 Vitória (BA)
DATA: Terça-feira, 11 de setembro de 1945
LOCAL: Salvador-BA
ESTÁDIO: Arthur Morais (Campo da Graça)
JUIZ: 
AUXILIARES:
EXPULSÃO:
C. AMARELO: Na época ainda não existia
RENDA: 4:315$000
PÚBLICO:
GOLS: Avale e Gereco (2) (Bah) e Pirricha e Juvenal (Vit)
BAHIA: 
TREINADOR: Nicanor Souza
VITÓRIA: 
TREINADOR:

OBSERVAÇÃO: Décimo terceiro jogo do Bahia no Campeonato Baiano de 1945. Com esse resultado o Bahia conquistou o Segundo Turno do Campeonato Baiano de 1945.

JOGO 387

PARTIDA NUM.: 387
COMPETIÇÃO: Campeonato Baiano (Segundo Turno - Decisão do Turno)



JOGO: Bahia 0 X 0 Vitória (BA)
DATA: Domingo, 02 de setembro de 1945
LOCAL: Salvador-BA
ESTÁDIO: Arthur Morais (Campo da Graça)
JUIZ: 
AUXILIARES:
EXPULSÃO: Baiano (Bah) e Siri (Vit)
C. AMARELO: Na época ainda não existia
RENDA:
PÚBLICO:
GOLS: 
BAHIA: 
TREINADOR: Nicanor Souza
VITÓRIA: 
TREINADOR:

OBSERVAÇÃO: Décimo segundo jogo do Bahia no Campeonato Baiano de 1945. 
A partida foi marcado por uma confusão generalizada neste BA X VI do dia 02/09, quando após as expulsões do tricolor Baiano, e do rubro-negro Siri, foi deflagrada uma briga generalizada.

JOGO 386

PARTIDA NUM.: 386
COMPETIÇÃO: Campeonato Baiano (Segundo Turno - Decisão do Turno)



JOGO: Bahia 3 X 0 Botafogo (BA)
DATA: Domingo, 26 de agosto de 1945
LOCAL: Salvador-BA
ESTÁDIO: Arthur Morais (Campo da Graça)
JUIZ: 
AUXILIARES:
EXPULSÃO:
C. AMARELO: Na época ainda não existia
RENDA:
PÚBLICO:
GOLS: Gereco e Tuca (2) (Bah)
BAHIA: 
TREINADOR: Nicanor Souza
BOTAFOGO: 
TREINADOR:

OBSERVAÇÃO: Décimo primeiro jogo do Bahia no Campeonato Baiano de 1945.

JOGO 385

PARTIDA NUM.: 385
COMPETIÇÃO: Amistoso Estadual



JOGO: Bahia 4 X 1 São Cristóvão (BA)
DATA: Quarta-feira, 15 de agosto de 1945
LOCAL: Salvador-BA
ESTÁDIO: Arthur Morais (Campo da Graça)
JUIZ: 
AUXILIARES:
EXPULSÃO:
C. AMARELO: Na época ainda não existia
RENDA:
PÚBLICO:
GOLS: 
BAHIA: 
TREINADOR: Nicanor Souza
SÃO CRISTÓVÃO: 
TREINADOR:

OBSERVAÇÃO: